A Normandia: de Étretat a Le Mont Saint Michel !

Com gosto da maçã e cheiro de manteiga – A Normandia!

De paisagens bucólicas, aromas e sabores das coisas da terra e do mar, o passeio pela Normandia é um misto de romance e tranquilidade.

Situada ao norte da França, a região é rica em história, contos e costumes, e são muitos lugares adoráveis para explorar! Porém, adianto, não vamos esgotar as possibilidades, mas apenas retratar a nossa experiência em alguns pontos imperdíveis.

Étretat!

As falésias de Étretat estão na alta Normandia, no litoral da pequena cidade, a pouco mais de 200km de Paris. A praia francesa nada tem a ver com a nossa referência brasileira. Mas nem por isso a água (fria), o sol (brando) e a areia (com muitas pedras) deixam de ter encanto. Na verdade, a paisagem é de tirar o fôlego, de vários ângulos!

O site  Saiu de Viagem publicou um belo roteiro, de Paris a Étretat, em agosto de 2017: “Étretat, na Normandia, a partir de Paris!”    (clique aqui)  

  • Da horinha: Aproveite para degustar o prato típico em Étretat,  “moules et frtittes”, molusco acompanhado de batatas fritas, ou opções com camarões, nos pequenos e simpáticos restaurantes à beira mar! E no caminho, em Beauvron-em-Augenão deixem de experimentar a Cidra, bebida artesanal feita de maçã, um licor delicioso! Interessante a experiência que tivemos em um bar local, onde se podia levar a própria comida!
  • Da horinha: No nosso roteiro, ao chegarmos em Paris, seguimos viagem até La Croix-Saint-Leufroy, nos hospedamos por apenas uma noite em uma charmosa Chambre d’Hôtel – La Chaiserie, onde simpaticamente fomos recebidos por Michelle e Henrich. Seguimos para Étretat, ponte da Normandia, Honfleur, Beuvron-en-Auge para então chegarmos em Bayeux.
Bayeux

Bayeux guarda, com muito cuidado, respeito e atenção, as relíquias de uma guerra medieval e de outra, moderna.

A medieval é contada através da impressionante tapeçaria medieval e faz forte referência à Inglaterra e a França, em antiga luta pela Mancha. Linhas, agulhas e muita arte no silêncio do tear das mulheres que contaram a história de modo singular, singelo e belíssimo… A arte de desenhar com algodão e cores que nos mostram os fatos no tempo e no lugar! Arte que conta história!

La Tapisserie de Bayeux tem 70 metros de comprimento e 50 centímetros de altura. Está exposta no museu que leva seu nome e mostra a conquista da Inglaterra por Guillaume le Conquérant, em 1064.

  • “1064 : le roi Edouard d’Angleterre envoie Harold en Normandie. Harold doit confirmer à Guillaume qu’il sera le successeur d’Edouard sur le trône. Pourtant, à la mort d’Edouard en 1066 Harold s’empare de la couronne d’Angleterre. En réaction, Guillaume et ses troupes combattent Harold lors de la bataille d’Hastings. Harold et son armée sont vaincus le 14 octobre 1066.”                                                                                                                                                                                                                                            (1064: O rei Eduardo da Inglaterra envia Haroldo à Normandia. Harold deve confirmar para William que ele será o sucessor de Eduardo no trono. No entanto, com a morte de Eduardo, em 1066, Harold tomou a coroa da Inglaterra. Em resposta, William e suas tropas lutam contra Harold na Batalha de Hastings. Harold e seu exército são derrotados em 14 de outubro de 1066.)

A outra guerra suportada pela cidade, moderna, marcou o início do fim da Segunda Guerra. Nesse momento, Inglaterra e França estavam unidas em luta pela liberdade e soberania!

O site Saiu de Viagem , em janeiro de 2018, publicou um post específico das praias do Desembarque, em referência e homenagem ao 06 de junho de 1944, o Dia D! O desembarque da esperança!”  (clique aqui)

Bayeux é uma cidade muito charmosa, cheia de história e de sabores. Terra do Camembert e da melhor manteiga do mundo, é cercada de fazendas lúdicas, de pasto verde e extensas plantações de mostarda. Os jardins, românticos e bem cuidados, pedem uma atenção especial.

As ruas da cidade, movimentas e plenas de comércio, são agradáveis e cheias de flores. A comida, excelente… nous sommes en France! A arquitetura, extraordinária, em especial a Cathédrale, a Notre-Dame!

Le Mont Saint Michel

Muitas vezes confundida com um castelo, a igreja e mosteiro situados na Baixa Normandia reservam a grandeza de uma construção medieval e a fé daqueles que rogam a Deus a guarda de suas vidas e daqueles que amam.

 

Também entre a terra e o mar, a aproximadamente 350 km de Paris, Le Mont Saint-Michel é uma pequenina ilha cercada pela Baía, sempre sujeita as altas e baixas marés do Atlântico Norte.

Junto da igreja, entre as escadarias e sob a proteção do Arcanjo Miguel que segue fixado no alto da torre, as pequenas e velhas casas que compõem o idílico cenário vivem não mais que 50 moradores.

As ruelas e charmosos becos oferecem ao turista intenso comércio de souvenirs, restaurantes e a linda paisagem dessa maravilha da França e do mundo!

Os dias quentes são poucos, mas de sol são muitos. Logo, ao viajante, cabe estar preparado para o vento frio e para as paisagens deslumbrantes do cenário inconfundível.

Assim é a Normandia; região com gosto de maçã, aroma de manteiga ao forno, maresia, vento e muito, muito charme! Normandia é nostalgia!

 

Os vilarejos são atrações imperdíveis, o regionalismo e cultura locais reservam deliciosas surpresas!

 

O ideal é estar de carro para que seja possível e fácil passar do interior à costa. Paradas desapressadas, campos de macieiras, de pereiras e as construções características da cidade e de la campagne (das fazendas). Você pode seguir o Seine, ou não!

 

 

  • Da hora: Dê preferência para as estações de primavera e verão. No outono e inverno o vento é muito frio e algumas atrações não estarão disponíveis, além dos dias serem curtos! Para nós, brasileiros, as estações bem definidas são um desafio à parte.

 

La Croix-Saint-Leufroy – La Chaiserie:  37 Rue de Pacy, 27490 La Croix-Saint-Leufroy, França. +33 2 32 31 62 38. www.gite-lachaiserie.fr

Bayeux: Le Tardif:  57 Rue Larcher, 14400 Bayeux, França. +33 (0)2.31.92.67.72. www.hoteltardif.com

La Tapisserie de Bayeux: – 13 bis rue de Nesmond, 14400 Bayeux – France. + 33 (0)2 31 51 25 50. www.bayeuxmuseum.com

 

 

 

Texto por Marcela Tavernard (Colaboradora): Uma  mineira , que mora em Brasília e ama a França, a língua Francesa, a cultura, a gastronomia,  suas paisagens e em especial os seus Castelos. Em suas viagens, tem o seu marido como o  melhor companheiro

 

Deixe uma resposta

Comment
Name*
Mail*
Website*